domingo, 14 de dezembro de 2014

20 segundos de coragem


Com 20 segundos, dá pra beber um copo de suco, correr 200 metros, passar batom, escrever um lembrete, dar bom dia pro carteiro e pegar sua compra de seis meses atrás do eBay. Tempo pequeno, coisas rápidas ou ditas 'inúteis', simples. Mas uma noção de tempo relativamente pequeno pode ser boa se a 'coisa rápida' puder mudar sua vida. Uma arriscada do estilo, sei lá. Entregar o dinheiro pra mulher que cobra um voo de asa delta. Se declarar pro boy magia ou pra mina sereia. Clicar em 'enviar' um desabafão pra sua amiga brigada. Sentar na cadeirinha da tatuadora e falar 'pode mandar'. Comprar uma passagem de avião pra amanhã para um lugar bem doido.
Na verdade todas as coisas citadas são simples. Qual a dificuldade de abrir a boca e falar uma frase
no seu idioma, já que se for em alemão eu entendo? Se for 'tô a fim de você' complica no nível 'vou ter diarreia agora se falar'. Se for pra subir naquela montanha russa monstra que você ficou quatro horas e doze minutos na fila pra entrar, a diarreia vai ser ainda mais monstra. Mas se for só uma fila do caixa ou do banco, tudo bem. Essa 'superestimação' de fazer uma coisa pior ou maior do que realmente é vira nosso medo. Não um medo tipo fobia, é mais no estilo de 'não sei o que acontece depois'. Medo de arriscar e usufruir depois. Medo até de usufruir.
O comum de todo dia é mais confortável do que umas gangorradas da vida, mas é difícil se divertir sem elas. O pior que pode acontecer é descobrir que o cara é um babaca barra ouvir um 'não tô na sua'  ou ficar enjoada. O melhor é se divertir pra caramba. Balanceando, vale a pena?
Enxota logo esse seu medo de arriscar-usufruir logo! Amarra um cordãozinho no dedo ou tatua na mão '20 segundos de coragem', que pode parecer idiota (só dá pra beber um copo de suco, ou correr 200 metros, ou passar batom), mas pode ser um passo inteligente para se dar bem na vida. Não precisa ser uma maníaca impulsiva que faz tudo o que dá na telha sem pensar, mas não adianta sentar e dormir e comer e tomar banho e só a vida toda. Tenta, vai?
(O que você faria se não tivesse medo de arriscar?)

10 comentários:

  1. Eu tenho o mesmo lema, mais no caso eu conto dez segundos, no 9 tomo coragem! Isso ja me trouxe tanta alegria, experiencias e coragens. Acho que vou adaptar para 20 segundos, quem sabe eu nao alcance coisas melhores?!
    E respondendo a pergunta, iria para um lugar bem distante, tipo California hahah
    Um beijo, e muita coragem nessa vida miga! Hahah <3

    ResponderExcluir
  2. Mochilãããããão <3

    ResponderExcluir
  3. Amei teu texto!! Vou adotar "20 segundos de coragem" como um lema <3 Parabéns pelo blog ,gosto muito de passar por aqui!

    ResponderExcluir
  4. EEEEEEE <3 Obrigada!!

    ResponderExcluir
  5. Nossa Amanda, seus textos mexem comigo MESMO! Minha auto estima sobe lá em cimão e eu fico super encorajada, amo me sentir assim então nunca para de escrever, tá bom? hahaha
    Parabéns!!

    ResponderExcluir
  6. AAAI <3 fico muito feliz, pode deixar!!

    ResponderExcluir