terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

Rebeca Prado fala sobre sua profissão como ilustradora!



O que a Rebeca não sabe andando de bicicleta ela consegue com um lápis e um papel. A artista tem um traço fofo e adora fazer quadrinhos sobre o cotidiano. Coisas que todo mundo faz/fala/pensa, mas nem repara! Além dos quadrinhos, ela trabalha bastante com aquarela. Geralmente seus desenhos são feitos a mão e o resultado é bem delicado e gostoso de ver! Pedi para ela responder algumas perguntas sobre o trabalho - dela, especificamente, e no geral também, para os curiosos. Tipo eu, hahahaha. Vamos conferir?


Como você 'descobriu' que ilustração era sua área?
Rebeca: Na verdade, ainda não descobri! Hahahaha! Brincadeira, acho que percebi isso quando comecei a expor meus desenhos para as pessoas, na internet e tal. E, para a minha imensa surpresa, algumas pessoas queriam comprar meus desenhos! Ou me contratar para fazer um desenho para elas. Daí eu juntei as peças: eu posso ganhar dinheiro fazendo o que eu mais gosto de fazer? Foi quando eu decidi investir.

Foi difícil pra você começar nesse meio?
R: Muito. Na faculdade sempre fui muito desestimulada porque meu desenho era figurativo demais, fofinho demais. Não tinha a pegada conceitual que fazia sucesso. Passei muitos anos com trabalhos engavetados por causa disso, até parei de desenhar e decidi trabalhar só com educação por um tempo. Mas acabou que eu achei melhor correr atrás do que eu realmente queria fazer. Lembro que comecei a fazer quadrinhos porque não conseguia trabalho fixo em nenhum lugar e ficava pegando pequenos freelances. Aí nos intervalos eu desenhava as tirinhas e colocava na internet. Custou a ter o numero de compartilhamentos que tem hoje.

Qual foi sua motivação para se jogar de vez no desenho?
R: Acho que foram os eventos. Aqui em BH tem o Festival Internacional de Quadrinhos, e eu ia nesses eventos e via as pessoas felizes trabalhando com desenhos, sendo reconhecidas e pensei que talvez um dia eu pudesse estar ali junto delas. Todo evento que eu ia me motivava mais um pouquinho. Mas demorou até a vergonha passar e eu mostrar para as pessoas.


Você tem conhecidos (amigos, família ou só conhecidos mesmo) não entendem sua profissão, não "acreditam que você se sustenta"? Como você desmitifica essa ideia de que desenho não é profissão?
R: Claro que tenho! Felizmente meus pais e meus amigos mais próximos sempre me apoiaram muito. Mas sempre tem a galera que pergunta “Mas você também trabalha ou só desenha?”. Acho que a melhor forma de combater isso é trabalhando duro e sendo feliz. E mesmo assim, sempre vai ter alguém que não vai entender.

#projetoverão

Como surge a sua inspiração?
R: Nossa, depende muito! Quando eu quero, ela nunca vem! Por isso eu sempre ando com um caderninho de ideias. Acontecem umas coisas que na hora me dão vontade de produzir uma tirinha ou um desenho. Raramente sai algo bom quando eu me organizo toda e falo “Hoje eu vou desenhar!”.

Você acha que há muita competição nesse ramo?
R: Acho que em todo ramo tem, né? E, por um lado, é uma coisa boa, significa que existem estímulos e que todo mundo quer nivelar por cima. Mas por outro lado, vejo muitas panelinhas também. Isso já não é tão legal.


E sobre seu estilo de quadrinhos? Como foi criar seu 'traço identidade'?
R: Olha, acho que foi muita experimentação, muita referencia e bastante vontade de produzir. Gosto de olhar o que as outras pessoas fazem e deixar aquilo ter algum efeito no meu trabalho. Ainda não acho que é exatamente o que eu quero fazer, o traço que quero ter e o estilo que quero seguir. Mas tô no caminho!
Rebeca Prado tem 24 anos e é mineira, ilustradora, quadrinista e professora. Atualmente trabalha com projetos independentes e para o mercado editorial e publicitário, Já participou de publicações como a Revista Mundo Estranho e de campanhas como o aniversario de 450 anos do Rio de Janeiro. Admnistra a página Inc,, no Facebook onde publica tirinhas diariamente. Fora isso, é professora de desenho na Casa dos Quadrinhos, uma escola de Artes Visuais em Belo Horizonte. 
☁ ☁ ☁
Gostaram de conhecer a Rebeca e ter um pouquinho sobre a área de desenho? Acompanhem ela - e seu trabalho incrível - no instagram, no behance e na fanpage. (Obrigada pelo tempo, Beca! (Mais) sucesso pra ti!)

8 comentários:

  1. Que ilustrações lindas, acho um talento sensacional.
    Descobri seu blog pelo post de identidade pessoal do blog e amei, super me ajudou!

    www.rockcomluxo.com
    www.youtube.com/natypottersena

    ResponderExcluir
  2. Obrigada <3 fico feliz de ter ajudado! :D

    ResponderExcluir
  3. Que ilustras maravilhosas <3
    Já tinha visto por aí pela internet, mas não conhecia a artista! Adorei!
    Me vi demais na "hoje acordei de bom humor... PASSOU"
    Tão eu.

    HhahaHAH

    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Eu amei esses quadrinhos e não sosseguei até ver todos HAHAAHAHA

    ResponderExcluir
  5. O trabalho dela é maravilhoso,amo as ilustrações,as tiradas de humor dos personagens!
    Mais perfeito ainda é juntar a Arte da Amanda Montt com a da Rebeca Prado!!!

    Beijos <3

    ResponderExcluir
  6. Ai <3 objetivos de vida! hahaahaha :D

    ResponderExcluir
  7. Já tinha visto as tirinhas por aí mas ainda não conhecia a ilustradora. Agora tô mais apaixonada do que nunca, hahahaha.

    ResponderExcluir