quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

Para começar 2016 mais resolvida com você e com o mundo



Gente, faltam vinte e fuckin oito dias para o ano que vem! DE 365!!!! Caramba, como passou, como rendeu, como foi incrível, como foi estranho, como foi louco. Vou chorar. Não, vou me controlar.
Eu andei checando minha lista de goals final-de-2014-até-2015 e tão feliz que consegui várias coisas, ao mesmo tempo que amadureci ideias, consegui coisas que não sabia que queria, desisti do que não valia a pena e não fiz várias coisas que queria também. Percebi bloqueios que tinha e coisas que realmente quero fazer por mim.
E o ideal a se fazer em final de ano ou próximo do seu aniversário é isso mesmo. Perceber os seus bloqueios. O que te faz bem. O que não faz. Desapegar do que não faz. E vida que segue. Descubra quais são, de onde vem. Faça uma auto análise. Quais foram as metas do ano que você não cumpriu? Por que não cumpriu? Não quis ou teve algum bloqueio? Qual? Medo? Insegurança? Como você pode se livrar dele? Com terapia, post-its, uma rotina?
E libere espaço. Libere espaço da sua cabeça, da sua casa, do seu armário... Tire os pesos, venda, esvazie, doa, reflita. Se livre do lixo virtual, das roupas que não te representam, tenha o mínimo de coisas materiais possível para te manter confortável.
Você pode criar um listography. Essa rede é MARAVILHOSA. Ajuda pacas a se organizar. Listas são ótimas para organizar tarefas, dicas, lembretes, gostos, incentivos...
Na verdade, você precisa descobrir o que dá certo para você. O que te incentiva a produzir, o que te ajuda a não procrastinar. O que colabora na organização. E organize-se da forma que sempre promete se organizar. Para de adiar. Se você acha que um app de saúde vai te ajudar, libere a  memória do seu celular e baixe. Cole lembretes pela casa inteira para checá-lo. Compre uma agenda pequena e ande com ela. USE-A. Liste suas pequenas conquistas e se alegre a respeito delas.
Não ignore conselhos que te podem ser úteis. Ou coisas que você aprendeu em séries, filmes, ao longo do seu ano. Anote-os. Bote-os no listography. Deixe-os prontos para você quando precisar deles.
Liste as coisas que procrastinou por séculos. Raio x? Médico? Desbloquear um cartão? Abrir uma conta no banco? Ler um livro? Pense na sensação te der TUDO ISSO realizado, finalmente! A distância dessa sensação para o momento de agora é de uma atitude. Tome-a!
Defina suas prioridades. Faça uma lista delas para cumprir ao longo do ano. Seja realista e boa consigo mesma. Não conte seus planos para ninguém. Supere seu medo, sua preguiça. Dê a devida importância para a sua felicidade, serenidade, paz. Só você pode pode tentar ser feliz por você, só você pode melhorar seus problemas. Se está estagnado em algo, saia dessa! Faça algo! A vida pode ser tão melhor se você deixar ela ser. O ano pode ser melhor se você quiser, se você deixar, se você mantiver o clima de renovação todos os dias.
Não se apegue ao sofrimento, à preguiça, ao passado, às dores que carrega. Lembre-se que você merece sim mais do que isso, e que tudo pode acontecer se você estiver com a cabeça leve e pronta para agir. Agradeça a coisas pequenas, faça um diário de gratidão. Comeu algo bom, recebeu um sorriso na rua, gostou da roupa que usou, tirou uma foto bonita, deu um abraço bom... Liste coisas que te fizeram feliz. Reconheça que coisas boas te acontecem. Tome esse projeto para 2016.
Confesso que no começo do ano, abri um documento no word e comecei a escrever sobre meu sofrimento. Sobre coisas que me deixavam triste e não precisavam. Isso foi em março. Escrevi duas páginas de desconstrução e orientação para mim mesma a respeito das coisas que mais me aborreciam. Não mexi nesse texto e o abri novamente mês passado. Nada daquilo continuava sendo um problema para mim. Eu absorvi meus conselhos, eu não me incomodava mais com aquelas coisas, eu superei aqueles itens. Eu estava bem quanto a tudo aquilo. Sem perceber, me desapeguei daquelas tristezas. Não carregue suas tristezas. Não grude suas tristezas em você. Desconstrua, faça um passo a passo para se desapegar, fique leve. Essa é uma dica para fim de ano, para início de ano, para aniversário, para qualquer dia. Porque qualquer dia é dia de deixar algumas coisas para lá. E a receita para o sucesso pode ser tão básica: desapego, inspiração e atitude. Para todos os dias. Faça desse o seu mantra.

Então vamos recapitular?
1. Faça uma autoanálise, detecte suas prioridades, bloqueios, vontades. Desconstrua seus problemas, medos e inseguranças. Desapegue do que te faz mal. Fique leve.
2. Faça uma limpa material, virtual e espiritual.
3. E uma renovação material, virtual e espiritual.
4. Trace metas, vontades, objetivos realistas e honestos. Não conte-os para as pessoas.
5. Se organize.
6. Procure formas de se manter motivado, lembrando da receita desapego, inspiração e atitude a todo o tempo.
7. Tome atitudes.
8. Comece um projeto como o diário de gratidão. Algo para se lembrar de pequenas grandes alegrias.
Posts que podem ser motivadores: a lista para recomeçar em 2015, 9 dicas para montar e realizar seus desejos da lista de ano novo, 20 segundos de coragem, em quatro semanas é ano que vem, mudando de hábitos em passos simples.
(Você pode resumir meus posts em frases de efeito numa lista no listography ou imprimir e colar no armário. Mas lembre-se de se motivar sempre.)

12 comentários:

  1. Seus posts de comportamento sempre inspiram muito! Tem dicas suas que trago comigo desde o Conspirantes. Enfim, "desapego ♥ inspiração ♥ atitude", já colei no armário (é sério).
    Obrigada

    ResponderExcluir
  2. Ai <33333 que bom que aproveita! Espero que dê tudo certo! ♥

    ResponderExcluir
  3. Ai Amanda, adoro tanto seus posts! Esse ano minha vida foi uma bagunça, embora eu tenha conseguido conquistar algumas coisas sim. Amanhã mesmo já vou tentar me planejar para reorganizar minha vida e definir minhas metas, além de ver como eu posso correr mais atrás da minha felicidade.
    Ah, voltei pra blogosfera com um blog novo. Da uma olhadinha se quiser lá depois. Agora que voltei a usar o bloglovin você provavelmente vai me ver sempre por aqui!

    ResponderExcluir
  4. Eu sempre fazia mil planos para minha vida e acaba muitas vezes decepcionada por não conseguir fazer tudo. 2015 foi o ano mais louco da minha vida tudo que eu queria e não queria aconteceram, aprendi muito e com certeza a juliana de Janeiro 2015 não é a mesma de Dezembro 2015, consegui completar boa parte das minhas metas, as que estão no blog todas. E pra 2016 não quero fazer muitos planos, a cada ano vou diminuindo um pouco e deixar as coisas rolarem, claro que não pode dormir no ponto. Adorei suas idéias e vou fazer uma autoanálise de mim. Com certeza

    simplesmenteassimj.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Primeiramente queria dizer que acabei de conhecer seu blog, mas que já estou apaixonada, você escreve muito bem!
    Posso dizer que sou uma pessoa bem organizada com relação aos meus materiais, minha casa está sempre super limpa e arrumada, já a cabeça... Traço milhões de metas sempre e tenho dificuldade de parar para trabalhar nelas, vou usar suas dicas.

    http://whoisllara.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Nossa, inexplicavelmente eu sempre me sinto tão leve quando venho acessar seu blog. Seu post me inspirou muito para fazer uma coisa que eu estava planejando mas nunca dava o primeiro passo. Agora posso dizer que tenho uma ideia de por onde começar. Como sempre, obrigada Amanda! ♥

    ResponderExcluir
  7. Obrigada <3 espero que aproveite!

    ResponderExcluir
  8. Lindona <3 espero que dê tudo certo! Qualquer coisa, me grita!

    ResponderExcluir
  9. Olharei agora! Espero que dê tudo certo <3 e AMO bloglovin, me salva pra acompanhar tudo HAHA

    ResponderExcluir
  10. Simm, reduzir as metas sempre faz bem! Um foco maior no que é mais importante. Espero que ajude!

    ResponderExcluir
  11. Por deus, como eu estava precisando desse post! Sou daquele tipo de pessoa que define uma meta mas não faz nada pra alcança-la, apesar de querer mudar isso e nunca conseguir. Maldita procrastinação. Vou levar todos os seus ~conselhos~ pra vida. Obrigada <3
    Engraçado você citar o listography, já que cheguei no seu blog justamente por causa de lá, hahaha.

    ResponderExcluir
  12. <3 Hoje cortei três coisas da lista da procrastinação (SIM, TENHO UMA HAHA) e tô impressionada. Acho que a melhor forma de procrastinar é 'adiantar' esse sentimento de orgulho de nós mesmos, a satisfação de fazer algo. Chegou pelo listography? AAAA haha, por que lista?

    ResponderExcluir